Parque Urbano de Valdebebas

A paisagem rural no contexto urbano

A origem da proposta focou-se na reinterpretação do mosaico rural característico do território em que a área de intervenção se insere. Pretendeu-se representar neste espaço a tipologia de paisagem caracterizada pelo montado e produção de cereal paisagem agrícola em clima continental, atribuindo-lhe novas funcionalidades, uma nova estética, sem corromper a sua identidade.

A proposta partiu da análise da paisagem como resultado da interacção entre a actividade humana e os factores bióticos e abióticos do meio natural numa perspectiva de recuo histórico.

É proposto o regresso à paisagem agrícola cerealífera e ao montado, através de um desenho naturalizado do espaço tendo em conta as características biofísicas do lugar. É-lhe no entanto concedida uma nova dinâmica, com novos usos e funções, permitindo simultaneamente a conservação das características associadas à paisagem rural e uma utilização contemporânea dos lugares, através da criação de equipamentos e infra-estruturas bem integradas na paisagem, com usos múltiplos, que funcionem como suporte e apoio às novas funções propostas.

ano: 2009
tipo: Concurso Internacional de ideias para el disenõ del Parque Urbano de Valdebedas
cliente: Ayuntamiento de Madrid Junta Compensación de Parque de Valdebebas
local: Madrid
arquitectura: Marta Campos, Arq. e Maria Amarante, Arq.
arquitectura paisagista: Daniel Magalhães, Arq. paisagista